Relatos de Parto

"Olá sou Gleyce , tenho 20 anos , desde que engravidei ,tinha uma certeza , teria meu filho de parto normal , e graças a Deus deu tudo certo e consegui o que queria .
No dia 4 de março de 2011 nasceu o Nikolas , as 14h28,com 3,290kg e 47cm, é maravilhoso sentir seu filho sair de dentro de você de forma natural , claro que tem a dor das contrações , mas assim que ele sai a dor passa . vi ele assim que ele saiu, chorando bastante , grande e com saúde , muito lindo , acho o parto normal bem melhor , pois recuperação é rápida , o que mais demorou foi a cicatrização da episiotomia, que é um pequeno corte feito pra ajudar na passagem do bebê , demorou 3 semanas pra cicatrizar , e com uma semana eu já me sentia bem , depois de um mês que tive meu bebê eu já fazia tudo normalmente , to me sentindo ótima e muito feliz ."



"Olá mamães
Me chamo Rafaela e tenho 20 anos.Vinha tentando engravidar a mais de um ano quando conseguimos com a ajuda de um indutor.Mais acabei sofrendo um aborto com 19 semanas.Depois de 14 dias deste aborto engravidei novamente com a graça de Deus.No inicio meu medico me pediu muita cautela pois não sabíamos ate onde conseguiria levar a gestação.Mais graças ao meu Deus consegui manter-la até o final.No dia 27 de junho de 2011,as 22;50hrs nasce a Sophia Gabriella,pesando 2,850gramas e medindo 48 cm,de parto natural.Passei 15 horas sentindo dores para só então poder abraçar e ver a minha filhota.Foi o momento mais difícil e mais feliz das nossas vidas.E desde então vivo em constante felicidade com a chegada da minha Sophia.
Não trocaria o meu parto normal por cesárea alguma nesse mundo. Sentir minha filha sair de dentro de mim não teve preço. Sentir que estava gerando uma nova vida e que esta vida, por sua vez seria o motivo da minha existência não teve preço."



"Meu nome é Ana Beatriz, tenho 20 anos, meu parto foi tranqüilo foi induzido com 39 semanas (a medica que me internou disse que se a fruta já tava madura, não tinha porque deixar mais tempo já que ele já não estava mais crescendo não iria adiantar esperar as 40 semanas eu não sentia nada, não tinha dilatação, nada) comecei a indução às 10hs da manha nas primeiras 4 horas não senti nenhuma dor não sabia nem o que era uma contração depois que me colocaram no soro, comecei a sentir umas contrações fraquinhas que a cada hora que passava ia sendo mais constantes até que comecei a sentir varias contrações uma atrás da outra o medico me disse que quando viesse à contração era pra eu puxar as pernas apoiar o queixo no peito e fazer força quando fiz isso pela primeira vez, ela já viu a cabeça do meu pequeno anjo eu estava com dilatação total sai da sala, segurando a cabeça do meu filho deitei na maca, fiz mais duas forças, e na terceira nasceu meu pequeno príncipe quando vi o rostinho dele pela primeira vez, cai no choro e vi que meu filho era lindo!



"No dia 26 /01/2011 ás 4 da manha levantei p ir ao banheiro e minha bolsa tinha estourado minha sogra dormia no mesmo quarto que eu e meu marido mas quando vi q tinha estourado fiquei desesperada mas não por causa de dor porque não senti nada mas pq fiquei com vergonha de falar meu marido e minha sogra mas quando vi tanta água não teve outro jeito tive q chamar quando eu acordei meu marido pronto todo mundo acordou a minha sogra a tia do meu marido ai meu marido ficou desesperado acordou atordoado não sabia o que fazia eu falei -calma eu não to sentindo nada não! Bom ele pegou o carro e me levou ate a maternidade chegando la a medica me examinou ai eu disse -eu posso ir p casa ?Ela disse não esta em trabalho de parto, mas a bolsa estourou então não pode, irá ficar mãe. ai mandei chamar minha sogra e falei q iria ficar meu marido fico em baixo pq não podia subir detalhe gente meu marido já tinha dito q não iria ver o parto pq não iria agüentar mas ai fiquei no soro por hora ate q foi aparecendo as dores bom não foi tanta dor como dizem por ai mas dói dói bastante mas o que mais me incomodou foi me sentar numa bola azul embaixo do chuveiro com água quente afff aquilo me matou sempre ia medica la examinar e nada de dilatar a medica ate ajudava abrir mas quando foi umas 4 da tarde ia ja ganhar meu bem mas precioso ai quando ia mesmo ganhar a medica desceu e chamou meu marido ele sem saber q era p ver o parto pensou q eu queria falar com ele deixou a maquina com a mãe dele afff q raiva mas tbm na hora nem pensei em foto quando ele saiu do elevador a medica disse rápido rápido ela já esta ganhando meninas ele não conseguiu nem vestir a roupa vestiu tudo errado a medica teve que ate ajudar ele vestir mas foi tudo bem ele não desmaiou nem nada mas eu já nem sentia mas nada pq me deram a raqui não sei nem pq ate hoje ,mas no momento foi bom pq na hora q deram não sentir mas nada minha bebê Gabrielly nasceu linda com 3320 e com 50 cm linda e eu mas feliz do que nunca nasceu as 4:40 da tarde." ( Por Mamãe Gizélia)



"Cheguei à maternidade já com 6 dedos e não demorou pra ela nascer a minha bolsa era rota .... levei alguns pontos e foi uma experiência única entre vc e seu filho um momento natural que todas as mamãe precisão passar um momento de preparação !!! mas graças a Deus deu tudo certo eu espero q as mamães que ler isso prefiram parto normal....hoje eu sei q na hora seu medo passa e vc cria coragem é um vinculo q eu e a Sophia nunca vamos perder ! (Por Mamãe Roberta)"




"Meu filho nasceu em 14 de Janeiro de 2011 às 15:43 de cesárea... sofri muuuuito na recuperação... meus pontos não foram absorvidos e infeccionaram, tive seroma, fiz drenagem manual (sem anestesia) 2 vezes na emergência... toda a dor que foi evitada com uma anestesia senti nesses 2 dias (a pior dor da minha vida), não conseguia se quer ficar de cinta, pois doia... tomei antibiótico (amoxilina) mesmo amamentando... dentre todos os remédios q tomei o pior foi um remédio para dor tão forte de nome Tilatil, juro me senti dopada (drogada) nem num porre brabo fiquei tão sem consciência (com dificuldade até pra falar) aguentei a dor e não tomei outro comprimido... provavelmente essas drogas passaram pro meu filho através do meu leite... minha obstetra viajou (sumiu, sem o celular) fui atendida na revisão por sua assistente... com um filho recém nascido q mamava a toda hora, mal me aguentava sentada, durante 45 dias sofri os piores dias da minha vida, se não fosse a carinha do meu bebê (razão da minha vida) teria sucumbido... além disso tive dificuldade para amamentar, não tinha bico, usei silicone durante o primeiro mês, qnd tirei sangrava, sangrava e sangrava... doia até dizer chega... posso dizer q só fiquei confortável pra amamentar no terceiro mês... enfim... não tive nenhuma orientação profissional... apesar de pagar por isso!!! nunca me vi tão perdida... engraçado q desde q descobri q estava gravida dizia q queria cesarea... a ideia de ir para o hospital em dia incerto, de passar perrengue no meio da rua, de sentir dor me assustavam... a falta de orientação de um profissional, o relato das tias tranquilas sobre suas cesáreas, me fizeram crer q essa seria a melhor opção... q no final além de minha também era da minha médica q me disse q meu bebê tinha uma "circular de cordão" no pescocinho e corria risco na hora do parto... espero q minha experiência possa ajudar alguém a repensar sua escolha, pelo melhor pra mamãe e pro bebê... e não de jeito algum pro seu médico!!! e sobre amamentação, não basta só querer dar o peito, deve-se preparar para isso, as campanhas só estimulam a amamentação, porém ninguém te diz q vai doer, e como vc deve fazer!! sorte e saúde as futuras mamãe!!"




"Ola meu nome é Elen, tenho 17 anos, meu bebezão agora tem 11 meses,quando descobri a gravidez me assustei mais nada de arrependimento ,e sim felicidade mesmo com a minha idade :)
se passaram os meses até que no dia 12/02/2011 minha bolsa estorou meia noite, dentro de casa no meu quarto, estava deitada lendo uma revista sobre parto e tal ai sente minha barriga quente e me levantei ,gritei minha mãe então fomos pro pronto socorro, já dentro do carro começei a ter contrações que doiaa de mais muitooo, chegando lá e medica fez o toque que doee mais ainda , então minha mãe foi fazer minha ficha de internação,e subi me colocaram no soro, como não sabia que ele ia nascer nesse dia,eu tinha comido muito um pratão cheio e dois pão com carne moída na sala de pré parto vumiteii tudo ,foi um alivio,mais as contrações lá cheguei com 2 dedos, deu meia noite e meia e 2 dedos ainda 2 horas da manhã tinha dilatado 8 dedos,quando foi 3 da manhã dilatei os 10 dedo então fui pra sala de parto então 3 e 13 da manha nasceu um principe lindo ,o melhor dia da minha vida, quando ele saiu de dentro de mim foi uma sensação incrível.
mes que vem ele ja faz 1 ano e sei que sempre vou lembrar o momento em que ele nasceu :)"



"OI MEU NOME E ISIS TENHO 22 ANO SOU MÃE DE MENINO DE 1 ANO E 1MÊS.
VIM AQUI RELATAR MEU PARTO,MOMENTO MAGICO NA VIDA DE UMA MULHER. COMECEI PASSAR MAL NO DIA 23/12/2010 POR VOLTA 20:00 COMECEI UMAS DORES NAS COSTA E FOI AUMENTANDO CONFORME AS CONTRAÇÕES,MAS COMO ESTAVA SOZINHA EM CASA ESPEREI MEU ESPOSO CHEGAR.CHEGUEI HOSPITAL POR VOLTA DAS 22:30 FUI PRA SALA PRE PARTO ESTAVA COM 6 DILATAÇÃO.
QUANDO FOI 23:40 FUI SALA PARTO FOI PARTO SUPER TRANQUILO PARTO NORMAL,PRA SER SINCERA O QUE MAS SENTI FORAM AS CONTRAÇÕES E DORES NAS COSTAS POIS PARTO PEQUENAS DORES QUE PASSARAM ASSIM MEU PRÍNCIPE SAIU.
SE UM DIA TIVER OUTRO FILHO ESPERO QUE SEJA NORMAL,POIS NADA MELHOR DO QUE ESTA BEM E DE PE CERCA DE 2 HORAS DEPOIS."




"Oi meu nome é Mayara tenho 19 anos. Meu filho Guilherme nasceu no dia 11/03/11, com 2.585kg e 46,5cm!
Comecei a sentir umas dorzinhas leves na quarta feira de manhã, foi o dia todo assim, a noite fui na maternidade e só tava com 1 dedo e meio dilatado... Passei a madrugada com dor, mais ainda consegui dormir um pouco, pois a dor não era tão forte... Na quinta feira de manhã a dor ficou pior, voltei pra maternidade tava com 2 dedos dilatados e com contrações de 7 em 7 min, mas não era hora ainda, voltei pra casa. Fiquei o dia todo com dor, pedi a ajuda da Doula Michelle, e ela me ajudou muitooo, me ajudou a me acalmar, me ajudou a saber o que fazer, tenho muito a agradecer ela, quando foi a noite fui mais uma vez pra maternidade, chegando lá o médico me disse que eu estava com 2 dedos e meio só dilatados e que não ia nascer naquela noite, mas queria me deixa internada pra me dar remédios pra acelerar o parto, eu falei que não queria e voltei pra casa. Amanheci com muitaa dor, quando foi umas 6hs da manhã eu já não estava aguentando mais, e fui pra maternidade, cheguei lá já estava com 6 pra 7 dedos dilatados, depois que entrei na sala de pré parto foi rápidinho, logo já estorou minha bolsa e terminou de dilatar. Doeu muitooo, mas valeu muito a pena... Se fosse preciso passaria por isso 1 milhão de vezes pelo meu filho... Meu filho nasceu as 10:47hs o momento mais maravilhoso da minha vidaa!!!"



"Olá! Meu nome é Patricia tenho 28 anos e um filho lindo de 5 meses, um sonho que Deus permitiu que se realizar na minha vida. Por quase 2 anos tentando e finalmente a noticia de que seria mamãe, fiquei muito feliz. Ai então a pergunta que todo mundo nos faz... vai ser de parto normal ou cesaria??? Eu claro queria o melhor pra mim e para o bebê pedi a Deus que permitisse que fosse de parto normal e assim Deus permitiu e no dia 20/08/2011 o joão Victor nasceu de parto normal as 07h34 com 3,675kg e 51cm, foi um parto tranquilo e claro tem sim as dores das contrações, mas são dores suportaveis quando você imagina que é seu filho chegando, verdadeiramente um momento unico. A recuperação foi rapida e hoje tenho certeza que fiz a melhor escolha em ter parto normal."



"DIA 13/03 EU ENTREI EM TRABALHO DE PARTO FOI TD TAO RAPIDO Q NAO DEU TEMPO DE FAZER PIQUE E NEM DE TOMAR ANESTESIA..PQ O MIGUEL JA ESTAVA COROANDO A BOLSA ROMPEU AS 15:30 E O MIGUEL NASCEU AS 20:51 DEPOIS DO PARTO TIVE HEMORRAGIA..MAS COMO ERA INESPERIENTE ACHAVA Q ESTAVA TD BEM POIS COMO FOI NORMAL..ACHAVA Q AQUELA QTDADE DE SANGUE Q ESTAVA PERDENDO ERA NATURAL CABEI TENDO Q FAZER TRANSFUSÃO DE PLASMA E SANGUE P CONTER A HEMORRAGIA MAS NAO TENHO DO Q RECLAMAR MEU PARTO FOI MARAVILHOSO. TENTEI RESUMIR TD RSRSRS( Por Mamãe Janaina)"



"Dia O5/O3/2O1O , 39 semanas e 3 dias, de manhãzinha comecei a sentir uma dor como se fosse uma cólica bem leve, tinha consulta pré natal de manhã(7 da manhã) pedi pra minha mãe ir comigo e ela não quis, algo não me deixava sair da cama.. fiquei em casa e voltei a dormir, acordava as vezes me sentindo meio mal, sentindo um mal estar mas não queria acreditar no que poderia estar acontecendo, umas 10 e pouco já acordava com mais frequencia sentindo dor, 11 horas não conseguia mais dormir, tava me contorcendo de dor na cama e a minha vó acordou assustada, fiquei no banho quente até umas 14 horas, não aguentando mais a dor, peguei um taxi com a minha vó e fui pra maternidade, o taxista muito assustado porque eu me contorcia de dor no taxi e estava bastante transito, chegando na maternidade(umas 15, 16 horas) tive que esperar ser atendida, só fui quando vomitei e nisso as contrações vindo de pouquissimo em pouquissimo tempo, fizeram o toque, perguntaram quando a bolsa tinha estourado e me assustei, porque a tres dias eu tava perdendo liquido mas era aos poucos, não sabia que era a bolsa, levei uma bronca e a médica disse que eu tava com 4 cm de dilatação, disseram que a minha filha só ia nascer meia noite porque tinha que dilatar até 10 cm, surtei... mas foi o tempo de eu ir tomar um banho, ir pra sala de pré parto(nisso a minha vó tinha ido pra casa e fiquei com a minha mãe lá) quando cheguei na sala de pré parto a minha mãe desceu pra fumar um cigarro e eu fiquei no soro, na hora que o médico pediu pra eu virar pra ele sentir o coração eu já não sentia mais dor e só sentia uma vontade gigante de fazer força o médico pedindo pra eu relaxar e eu não conseguia e nem sabia o que falar, quando ele foi fazer o toque fez uma cara de assutado, chamou os médicos e disse "vamos começar o parto, o nenem já tá quase com a cabeça pra fora" não sabia o que fazer, começou o parto e a minha mãe ainda tava lá em baixo, sei que ela chegou correndo pra tirar foto e conseguiu fotografar o ultimos minutos do parto, 18:35 a minha princesa veio ao mundo, e pra minha sorte não precisei levar ponto(o meu maior medo) porque "rasgou" menos de 1 cm!
passaria por essa experiencia quantas vezes fosse preciso, melhor experiencia da minha vida apesar das dores.(Por Mamãe Luana)"




Meu nome e Rosênia Machado, tenho 20 anos, sou casada a 3 anos..Nome do meu filho Sayyd.. Minha gravidez foi maravilhosa.. Nunca a tive nada, não tive enjôos, não vomitei.. sentia vontade de comer varias coisas.. Mais a única complicação que tive que peguei uma infecção urinaria e no final peguei uma alergia horrível.. Deus me livre..Mais foi muito tranqüilo apesar disso.. Meu parto foi meio estranho porque eu tava fazendo um acompanhamento e desde a 38ª semana o medico fez o toque em mim e me falava que não tinha passagem nenhuma.. Que eu tinha que fazer cesárea.. No começo eu queria muito por causa do plano de saúde que eu tinha.. e depois vi que não podia fazer cesárea porque o plano não ia cobrir porque ele ia nascer antes da carência acabar.. Então eu pesquisei hospitais e tudo mais tava tudo muito caro, faixa de 15 mil pra cima.. Então tive que desistir disso e partir pro parto normal..apesar do medo..Então eu comecei a ficar preocupada que ele disse que eu tinha que fazer cesárea e no hospital do SUS eles só fazem cesárea depois de muito custo.. foi o que aconteceu.. Passou as semanas.. e eu não sentia nada.. Não sentia dor não sentia nadinha de nada.. a única coisa que sentia era cansaço, por causa da barriga néh... Pois passou os dias e fui no hospital com 40ª semanas fazer uma consulta, já estava preocupada que eu não sentia dor nenhuma e ele não nascia nem nada.. Pois fui fazer o tal toque.. Não tinha nenhuma dilatação, não sentia dor nenhuma e o medico me disse pra eu voltar pra casa andar muito que so podia fazer algo se eu tivesse com 41ª semanas ou se eu tivesse dilatação ou se tivesse sentindo muita dor.. Como não era meu caso, voltei para casa.. Oh 1 semana demorada Deus me livre.. Tive que agüentar uma semana pra completar as 41 semanas pra poder voltar.. Enfim chegou e eu fui de novo ao hospital, sem sentir nada sem dilatação nenhuma de novo.. Voltei pra casa de novo e o medico pediu pra eu esperar uns 2 dias e voltei pra casa.. esperei os dois dias e voltei.. Novamente fiz o tal toque novamente e nada de nada.. esse aqui queria nascer de jeito nenhum.. tava gostando do cantinho escuro da barriga da mamãe..KKKK’... pois como eu tinha ido a dois dias a atrás o medico falou pra mim quando for um dia antes de ir pra eu não comer nada ficar em jejum.. Fiquei feliz porque sabia que ia ser aquele dia néh.. Cheguei no hospital de manha e fui fazer o toque e o medico e ta com 2 cm.. pode voltar pra casa anda andar e volta a tarde.. fiz o que ele pediu.. fui passear no shopping e andei o shopping todo e voltei pra casa tomei um banho descansei um pouco tomei um suco de laranja e voltei pro hospital... Enfim cheguei no hospital só entrei direto fez o toque de novo. Com 2 cm novamente.. creeedo.. Enfim ele falou que ia me internar porque já tava quase completando 42 semanas e disse que teria que induzir porque eu não sentia nada.. Pois me enternei as 17:30 horas e minha mãe ficou comigo e meu marido e meu pai lá fora no hospital.. Como não ia adiantar pidi pra minha mãe falar pra eles irem embora porque não ia adiantar eles ficarem esperando pois ia ser um procedimento demorado.. Pois então colocaram o soro puro em mim... Depois de 1 hora colocarão o remédio.. pra poder induzir néh.. Então fiquei esperando.. as dores.. as contrações..mais depois de umas 3 horas comecei a sentir as dores.. mais depois que comecei a sentir as dores também.. Jesus.. Pois toda hora aquele médico vindo pra fazer os tais toques.. e eu morrendo de fome.. Mais não adiantou muito..ia ter que ficar com fome.. porque qualquer coisinha tinha que correr pro centro cirúrgico.. ate que chegou a hora das dores... já as 23:00 horas as dores já estavam complicadas.. e fizeram o toque tava com 6 cm.. e o tempo foi passando e as dores estavam demais.. Mais tinha que esperar.. Quando foi umas 5 da manha eu ainda La.. mais tava morrendo de dor já.. e ainda com 6 cm.. e já querendo a cesárea porque tava demais as contrações.. e cada contração eu tava querendo ir pro banheiro vontade de fazer 1 e o 2.. e tomava banho e voltava pra cama.. pois chegou 6 e pokin e eu não tava mais agüentando e mudando o plantão.. e meu pai e meu marido do lado de fora esperando noticias.. meu marido sem agüentar mais noticias pediu pro segurança me procurar pra saber como estava se já tinha nascido mais nada ainda...kkkk.. esse não queria sair mesmo.. mudou o plantão e os médicos passaram e eu tava com 6,5 de dilatação.. e eles não queria fazer cesárea.. Minhas dores já estavam em 1 em 1 minuto.. 3 em 3.. tava complicado.. e o medico acabou me falando.. Rosênia faz força quando vc senti contração pra ter dilatação porque se não vc vai continuar ai.. pois La vai eu fazer as forças.. Passou um tempo.. sinto um trem estranho..uma água quente.. ecaa.. e falei pra minha mãe chama o medico aii porque ta doendo muito e senti uma água.. acho que a bolsa estorou.. chamou o medico veio uma estagiaria.. jesuss.. fez o toque, quase morri e veio um medico atrás.. ai falarao quando vim a contração faz força pra gente ver como ta, foi o que eu fiz.. quando viu que não ia ter como e eu tava muito fraca por causa das contrações e dores.. eles resolveram me ajudar.. a medica disse abrii mesa.. aii prontooo.. agora sabia que ia vê meu pequeno.. Ansiosa..com medo.. a medica faz força.. e eu não tava com a dilatação 100%.. tava com 8 e pokin.. e ela disse que teria que fazer o corte e deu anestesia.. e fiz mais umas 3 força e senti sair meu pequeno príncipe.. Colocaram em cima de mim e prestei bem atenção na minha vida.. no meu colo.. e ali estava eu.. mais de 15 horas.. as 10:25 da manha meu príncipe tinha nascido, complicado. Mais tudo aquilo valeu a pena.. no dia dos namorados.. dia 12 de junho nasceu minha maior vitoria.. meu maior tesouro.. e hoje ele esta com 7 meses.. Fazendo 8 meses dia 12 de fevereiro..
Obrigado a todos.. a oportunidade de contar minha historia...




Nem sei por onde começar, rsrsr foram muitas emoções....
Tudo começou na manhã do dia 30/01/2011 (domingo), acordei as 6hs da manhã com uma cólica chatinha porem fraquinha não liguei muito achando que era apenas pela má posição que tinha dormido, mais ela só foi aumentando bem aos poucos e justo no dia que meus sogros resolveram passar o dia aqui em casa, tentei fazer comida mais a dor me fazia falhar as pernas ficava tudo dormente ai eu corria para cama deitava de lado e ai passava, tomei remédio para cólica e nada, meus sogros chegaram para o almoço e a dor já estava fortinha mais suportável :), almocei a comidinha que o maridinhu fez porem quando a contração veio vomitei tudo :( e ai a dor so aumentava conforme a hora ia passando, e com a família toda em casa (meus sogros, meus pais e minhas irmãs) logo resolveram me levar a maternidade as 14hs, eu sabia que não estava na hora porém não ia me atrever a reclamar, chegando lá fui examinada e estava apenas com meio de dilatação; ai voltamos p/ casa eu claro reclamando que não era a hora q tava todo mundo apressado d+ rsrsr.... chegando em casa a dor só aumentando não consegui comer, tudo eu colocava para fora as 19hs o tampão saiu ai sim eu pensei agora esta perto o engraçado e que eu estava super relaxada enquanto a família super ansiosa rsrsr.... e a dor ia e voltava ficamos todos batendo papo p/ ver se eu esquecia da dor :p ... ninguém dormiu nesta noite, quando foi 1hs da manhã do dia 31/01/2011 eu já não agüentava mais de dor e pedi p/ q fossemos a maternidade....
Cheguei la sorrindo atoa e cheia de dor, fui examinada e estava com quase 4 de dilatação e fui internada VIVA!! Minha mãe subiu para sala de parto comigo enquanto maridinhu e seus pais ficaram la em baixo esperando... Na sala de parto a cada contração minha mãe fazia massagem nas minhas costas, se não fosse ela teria sido difícil rsrs, já eram 7hs da manhã e nada da minha bolsa estourar, o plantão mudou e apareceu um medico enviado de Deus q logo disse vamos estourar sua bolsa, eu que tinha medo não doeu nadinha! Agora quando me colocaram no soro, que dor ai sim eu senti a dor de parto rsrsr, fortes contrações achava que não ia suportar, vomitava muito a cada contração + com minha mãe do meu lado me dando forças e rindo de mim pq eu dizia q meu marido não ia + nem me beijar kkkk... logo o medico voltou e disse ta na hora mãezinha, faça a maior força q conseguir quando a contração vier, logo estava eu torcendo para a contração vir e como parece q demorou srsrsr, na primeira contração fiz força sem gritar claro o medico disse q estava tocado a cabeça, mais uma contração e pedindo a Deus por força minha filhotinha nasceu as 9:23, não senti dor nem ela saindo, “desmaiei” na cama sem forças enquanto o medico começou a me costurar, a enfermeira trouxe ela e deu para minha mãe e eu olhava admirada!! não conseguir dizer nada apenas olhava p/ ela.... antes de ir para o quarto do hospital já estava bem com minha filhotinha no colo e dando de mama..rsrsr e depois de um dia já estava eu pensando em como será o próximo parto ( claro daqui a 5 anos)!! E engraçado como a lembrança da dor simplesmente some....rsrsr... A única coisa q tenho e que agradecer a Deus pelo parto maravilhoso e pela recuperação!!!



‘’ Minha 2º gestação foi maravilhosa, aos 23 anos esperando por outra menina que amei desde o principio, Sofia Gabrielly com exatamente 38 semanas e 3 dias decidiu nascer, o parto estava previsto pela ecografia pro dia 22 de abril mas pra nossa surpresa eu começei a sentir umas pontadas na vagina e conversei com uma vizinha que é muito experiente e ela mandou eu tomar leite com canela bem quente e banho bem quente também, e eu seguir o conselho dela e logo em seguida que tomei vieram as contrações, fracas e suportáveis,
cheguei no hospital já tinha dilatado 6 cm me colocaram na sala de pré parto pra esperar, eu fiquei lá sentindo contrações e colocando força, e derrepente a menina decidiu nascer na real amigas na hora q ela saiu me rasgou pois não deu tempo de chegar na sala de parto, então ganhei na sala de pré parto mesmo
eu dilatei do 6° pro 9° cm rapidinho quando chegou no 9°,ficou demorando vinham as contrações muito fortes e eu colocava força e nada dela nascer mas ai teve uma hora q coloquei força e derrepente senti a cabeça dela encaixando ai veio outra, coloquei força
e ela saiu depois me deram uma anestesia, pra tirar a placenta e pra me costurar, e ela nasceu linda com 3.500kg e 50cm. Eu recomendo O PARTO NORMAL / NATURAL.
Foi maravilhoso, lindo e suportável. O meu parto foi coisa de Deus, e depois desse 2° parto costumo falar que eu poderia PARIR todos os anos’’Dê Elias



Olá!Meu nome é Juliana tenho 24 anos,há 1 ano e dois meses nasceu Minha Pequena Elloah com 52cm e 3,695kg .Minha gestação foi meio complicada pq sofro de asma e tive muitas crises durante a gravidez,usava bombinha todos os dias e durantes as crises minha bebê ficava muito agitada.Eu tinha muito medo de ter um parto normal,nem tanto pela dor,mais temia pela falta de ar...No dia 25/12/2010 ás 21:00 me internei e foi uma noite difícil,pois qndo já estava com7 cm de dilatação a falta de ar me impedia de fazer força,eu já estava bem fraca e sinceramente achava que ñ ia conseguir,mais graças a Deus,tive minha filha ás 05:26 do dia 26/12/2010 parto Normal,minha bebê quebrou a clavícula na hora do parto,pois me faltou força na hora que ela tava saindo e o médico teve que puxa - lá pra me ajudar,tudo deu certo!minha recuperação foi ótima e da minha bebê melhor ainda!Confesso que morria de medo do parto normal,mais hoje sou adepta a ele,é algo mágico pq assim que minha filha saiu findou-se toda dor,toda agonia!!!E eu agradeci a Deus por ter me concedido a condição de dar a luz áquele ser tão pequeno e tão importante,que mudou toda minha vida,que me mostrou um amor que não se mede!




Vamos lá, após 3 semanas com 1 cm de dilatação apenas, no domingo 17/04/2011 acordei por volta das 06h pra fazer xixi, e na hora de me limpar saiu sangue vivo, eu chamei meu marido e ficamos analisando pra ver se sairia mais, como os plantões dos hospitais trocam ás 07h não quis ir naquele momento. Esperamos mais.
Ai fui arrumar o berço da bebê, colocar o protetor, limpar tudo e deixar tudo organizado, não sabia se seria naquele dia mais queria deixar tudo preparado. Depois de tudo arrumado fui tomar um banho, e depois ao fazer xixi saiu uma borra de café, ai siim já era qse 08h30 fomos para o hospital.
Chegamos lá, fui examinada e 2 cm de dilatação, fomos fazer cardiotoco, a médica queria me internar, mais a regra é somente com 4 cm de dilatação. Pra ajudar ela pediu um exame de urina após o cardiotoco que demora de 3 a 4 horas pra sair o resultado, pq ela queria ver se aumentava a dilatação. Eu colhi a urina e fui pra casa, não ia agüentar esperar todo esse tempo lá.
Voltei pra casa e ao chegar as contrações estavam uma atrás da outra, super forte. Fui tomar banho quente pra ver se ajudava, tomei 3 banhos e não conseguia ficar parada pq a dor era muito forte.
Voltei pro hospital de tarde pra pegar o resultado e tudo bem no exame, o médico q me atendeu foi examinar de novo, e já estávamos indo pros 4 cm de dilatação... Mais pra nossa surpresa naquele dia ocorreu muitos partos, sem vaga na maternidade e muito menos na UTI NEONATAL se acaso o bebê precisasse de algum recurso.
O médico olhou pro meu marido e disse: Pai aqui não temos vaga, mais corre que dá tempo, pq ela já esta em trabalho de parto avançado... Ficamos meio apavorado, não sabíamos se ia demorar ou não, mais fomos para outra maternidade, pegamos um trânsito terrível, muitas contrações, todos apavorados dentro do carro...
Chegamos na maternidade, me examinaram e 4 cm, me levaram pra uma sala e assim que terminaram de arrumar as coisas eu já estava com 5 cm, romperam minha bolsa, me deitaram pra fazer cardiotoco e menos de 30 minutos vieram me examinar e lá estávamos com 7 cm. Eu sentia muita dor não agüentava ficar deitada, pedi pra ir pro chuveiro e me levaram, fiquei uns 20 minutos e quando sai vieram me examinar e lá estávamos indo pros 9 cm de dilatação... Opaa tava tudo indo maravilhosamente, como eu nem esperava... Tentaram fazer a bebê nascer mais ainda não haviam conseguido.
Não demorou muito e chegou um médico, conhecido lá como MÉDICO DAS MÃOS ABENÇOADAS, me ajudou, ficou nos falando o que tinha que fazer, e ai BINGO, não demorou nada apareceu a cabeça da minha pequena e logo depois o corpo todo...
Bom, eu achei que meu parto seria super difícil e demorado, mais fui surpreendida...
Estou super ultra, mega feliz... Minha Isa é uma princesa, super calma... Um amor de bebê !
É isso ai, aqui está o relato de tudo que passei naquele abençoado dia 17/04/2011 o dia mais feliz e emocionante da minha vida !
Minha pequena Isabelly Cristhiny nasceu 17/04/2011 ás 19h46, pesando 2.895kg e 48,5 CM.



Oi hj vim contar pra vcs como foi o dia mais feliz da minha vida...

No dia 27/10 (quinta) tive consulta com minha GO,que fez o exame de toque e viu que continuava tudo na mesma.Ela avisou que caso ele não nascesse no prazo que era no dia 30/10 (domingo) eu teria que começar a acompanhar a gravidez na maternidade.
Então fui pra casa desanimada,pensando que Samuel ia demorar mais um pouco pra vir ao mundo.Mas mero engano meu no dia 28/10 (sexta) acordei as 8:00 horas com dores e desconforto,nem liguei muito só que isso foi aumentando.Logo comecei a contar a frequência e a duração dessas dores e vi que estavam durando em torno de 1 minuto e vindo de 3 em 3 minutos.
Então liguei pro marido que estava no trabalho e disse que teríamos que ir pra maternidade.Enquanto ele não chegava fui tomar um banho e terminar de arrumar as coisas.
Fomos pra maternidade e chegando lá passei pela GO que viu que eu estava com 4 dedos de dilatação e falou que já iria me encaminhar para internação,nessa hora gelei minha vontade era de chorar.
Lá vai eu para o pré parto e marido fazer minha internação.
Cheguei troquei de roupa,perguntaram se eu já estava depilada e eu falei que sim.Depois me colocaram um supositório pra poder fazer toda a limpeza intestinal.Depois disso fui pro quarto,eles colocaram o terrível Sorinho (Ocitocina).No começo foi tranquilo não senti nada,mas as dores foram vindo e cada vez aumentando mais.Até que chegou uma hora que eu não aguentava mais,tava pedindo pra morrer.Gente nossa é uma dor insuportável,só Deus sabe o que passei.Dai toda hora vinham escutar o bebe e me fazer o toque.Como ele viram que eu só estava com 5 dedos de dilatação e fazia tempo que estava no soro com uma dor terrível eles me encaminharam pra anestesia (Analgesia).Nossa me senti no paraíso,uma sensação boa que durou umas 2 horas.Nisso eu escutei um "poc" e era minha bolsa estourando,mesmo assim fiquei na mesma.
Dai de repente,começou me dar uma vontade louca de fazer força.É uma vontade de fazer o numero 2,mas uma vontade louca muito forte.E nisso comecei a fazer força,uma força que vinha de dentro de mim,mesmo que eu não quisesse meu corpo forçava.Até que vieram fazer o toque e eu já estava com 8 dedos de dilatação mas nada do Samuel encaixar.
Dai então fiquei sentada pq era melhor pra fazer força,e ajudava na decida do Samuel.Depois disso foi tão rápido,quando vi ele já tinha encaixado e a cabecinha estava prestes a sair.Fui pra sala de parto andando,e na hora de subir na maca me deu uma vontade de fazer força.Mas eles não deixaram,então subi na maca na maior dificuldade.Nisso fiz umas duas a três vezes força e meu Samuel nasceu.
Senti a cabecinha e o ombro passar,mas vc sente só uma queimadura.Como já ouvi falar,é uma "roda de fogo".De todas as dores o que dói mesmo é a da contração (principalmente a do soro pra induzir).O resto é vc leva "de boa".E a força que vc sente vontade fazer não dói.Então a conclusão é que a contração é que é o bixo!!!
Nossa foi muita emoção,só que ele não chorou logo que saiu,e eu já perguntei "Pq ele não chorou" dai a enfermeira disse "mãe se vc ta cansada ele tbm ta".Mas logo depois ele chorou,bem alto.Coisa mais linda.
Enquanto limpavam ele,o médico tirava a placenta,ele só disse " vc vai sentir uma colicazinha".Que colicazinha nada,aquilo foi uma colicazona kkkkkkkkk.Depois me deu pontos,isso levei pontos mas não me pergunte quantos pq não sei,tava anestesiada da dor ainda,nem pensei em perguntar.
Dai colocaram ele em cima de mim,e lá fomos nós pro pós parto.Lá ficamos um tempo,tentei dar mama pra ele logo a enfermeira pegou ele pra dar banho.Isso tudo acompanhado do maridão que ficou o tempo todo do meu lado.
Juro que não sei o que seria de mim se ele não tivesse comigo,pq o psicológico da gente pesa muito nessas horas.
Então fomos pro quarto mas ai papai não podia entrar pq já era tarde,e o quarto era conjunto.Nos despedimos dele e entramos.Logo já fui comer,depois tomei um banho.Passei a madrugada acordada,só olhando pra aquele rostinho lindo.Logo de manhã marido chegou e assim foi.Ficamos de sexta a segunda na maternidade.
Foi tudo ótimo,atendimento maravilhoso mas nada como a casa da gente.

Samuel nasceu com 3,405 kg e 49 cm.As 21:10 horas de um PN.






8 comentários:

  1. Oiii mamães, Meu Nome é Gisele tenho 25 anos. Tenho uma filha linda de 3 anos enfim no dia 31/10/2008 ás 13:34 hrs nasceu minha princesa de parto Natural,pesando 2.770 kg e 49cm, não vou ser ipocrita e dizer que não dói ou que é facil no meu caso levei 8 hrs de trabalo de parto mais Deus nos fez preparadas pra isso pois é um milagre uma coisa tão magica que assim que o nenem nasce as dores somem como em um passe de magicas fica somente uns pontinhos por causa na epsio no meu caso forão 5 pontos mais sai da sala de parto tomei banho sozinha e dois dias depois estava em casa ótima e me sentindo muito bem podendo fazer minhas atividades normalmente sem precisar da ajuda de ninguem... acho que é isso! Ah eu estou gravida novamente de 8 meses e spero que seja de parto natural novamente... beijos

    ResponderExcluir
  2. Ola
    Me chamo Aline, Tenho 20 anos..Tenho um Menino lindo..ki vai fazer 1 aninho..
    Bom no dia 14-02-2011..comecei sentir as contrações..foi pra maternidade ..chegando la ganhei a maior alegria da minha vida..Meu filho nasceu de parto normal pesando 3715 kg e 50 cm...
    Eu sinceramente amei parto normal ... as dores é só na hora.. depois ki ele nasceu eu naum senti mas nada... 3 dias depois já tava fazendo minhas coisas normalmente.. sem sentir nenhuma dorzinha, sem nenhum em comodo...sem precisar de ninguém.. bom é isso
    Mamães ki querem ter normal eu recomendo....
    beijos a tds

    ResponderExcluir
  3. Ola queridas...
    Meu nome e Rafaela, tenho 24 anos.. Tenho um gatão lindo chamado Pedro Daniel, comecei a entrar em trabalho de parto no dia 09/11/2011 mais ou menos as 21horas.. fui ao hospital na madrugada do dia 10 mas não era o momento dele vir ao mundo.. na madrugada do dia 11 fui novamente pois as contrações estavam maiores e foi nesse mesmo dia que ele nasceu no dia 11/11/2011 as 12:30 da manhã, foi utilizado o forceps mas meu príncipe nasceu com 3,315 Kg com 50 Cm.
    Passei um pouco para melhorar pois tive incisões grandes mas com 15 dias já estava novinha em folha pronta para outra rsrrsrsrsrsrs..
    Bom esse e meu relato sobre meu parto Bjs meus anjos

    ResponderExcluir
  4. Oi meu nome é Fernanda,tenho 30 anos e uma gatinha de 10 meses,bom forão 5 anos de muita luta para engravidar e quando descobri a gravidez ja comecei a me preparar para o parto normal,conheci a doula michele que sempre me orientava em minhas duvidas.Minha bebe não teve preça e eu apesar da anciedade de ter minha filha em meus braços esperei por quase 41 semanas,então me bateu um pouquinho de medo.
    Mais uma ves me orientei com michele e desparei a fazer exercicios,pois sabia que eu e a bebe estavamos bem e que não coreriamos risco algum,eu queria sentir tudo,toda esta dor pedi a Deus então em um domingo senti a primeira contração logo pela manhã comecei a andar dançar abaixar e fui ao hospital para ser examinada,era meio dia e meio eu estava com um dedo de dilatação,a medica me mandou pr casa e disse que talvez podia demorar até alguns dias,queria me dar uma injeção para dor a qual me recusei a tomar,quando foi sete e meia da noite não aguentavava mais andar as contrações vinhão em menos de dez minutos e duravão dois a tres minutos cada,cheguei no hospital no estremo erão 8 da noite e 8:10 ja estava com minha filhinha nos braços,não tomei soro nem injeção alguma para ajudar no parto foi o medico estourar a bolsa e a nenem nasceu,perfeita,linda anjo a qual pus no mundo de forma natural,uma hora e meia depois la estava eu tomando aquele banho e logo depois sentada amamentando minha bebe .Tivemos auta as nove da manhã do outro dia e so fiquei até a uma pr cumprir horario os poucos pontos cairão com 10 dias e cheguei em casa ja cuidando da nenem,não me arrependo em nada,realmente foi o melhor dia da minha vida..bjs a todas mamães e futuras mamães sejão de opinião que tudo dara certo...

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Olá, meu nome é Débora e tenho uma bebê de 6 meses.

    Eu estava grávida de 40 semanas e nenhum sinal de entrar em trabalho de parto.
    Fui à última consulta com o Dr. Rodrigo, o qual acompanhou só as últimas semanas de gestação. Falei que não tinha nenhuma mudança até então, ele me deu uma carta, para entregar na maternidade para que houvesse a indução do parto, pois eu não queira ter uma Cesariana.
    Ele me pediu para esperar até o último dia, quando completasse 41 semanas, o que seria no domingo, dia 26 de Fevereiro. Tínhamos combinado de irmos só ao final da tarde, pra minha mãe poder ir junto, mais no fim, acordamos cedo, e partimos cedinho para a Maternidade, chegando na cabeceira da ponte de Florianópolis, lembramos que talvez o telefone estivesse fora do gancho, lá voltamos, enfim chegamos na frente, mais, onde estacionar? Não tinha vaga.
    Gleydson, meu queridíssimo marido, mais nervoso que eu, foi estacionar enquanto dávamos entrada na Maternidade. Ali demoramos uma meia hora, só faltou perguntar que cor de calcinha eu estava usando kkkk.
    Depois fomos para a sala de espera e esperamos, esperamos, esperamos.. Acho que ficamos quase uma hora ou mais. Enfim, a Doutora me chamou, conversou comigo, perguntou muita coisa, se eu queria começar o procedimento “hoje, ou amanhã”, já que eu estava ali, e MUITO agoniada, começaria naquela hora mesmo. A Doutora saiu, entrou outra moça, para começar a me explicar as coisas, fez o que tinha que fazer, minha mãe entrou, decidimos quem iria me acompanhar (minha mãe durante o dia, meu marido a noite).
    Marido foi embora, eu e a mãe fomos conhecer as salas de pré-parto e parto, o lugar onde eu iria ficar, banheiros, etc.
    Isso já era 11 e pouco, o almoço já tinha passado, e eu de estomago vazio, passou uma enfermeira para ver como eu estava, falei: nervosa e com fome. Perguntei se eu não poderia comer, ela não sabia, foi perguntar a um médico, nisso demorou quase uma hora, lá ela me trouxe, meio pacotinho de bolacha salgada integral com suco de abacaxi, nossa, comi com tanta vontade, me esbaldei kkkkk
    Logo mais, uma e pouco da tarde, chega a primeira enfermeira, com o primeiro comprimido. Explicou-me como seria a indução, 4 comprimidos, um a cada 3 horas, caso não mudasse nada, eu iria para o “tal soro”..
    Ali se foi o primeiro, o segundo comprimido, teve a troca de acompanhantes, teve o terceiro comprimido, mais nada, nenhum sinal de TP... Claro, ouve vários toques, um a cada hora, escutavam o coraçãozinho dela, aaaah, e lá veio a fomeee... Oi? Cadê minha janta? Lá foi marido atrás disso, a enfermeira chegou e perguntou: Como assim? Não passaram pra perguntar da janta? AFFF já te trago! Lá vem ela, com um baita prato de Canja (agua, muita agua, batatinha, cenoura, chuchu, e um brinde, um pedacinho de galinha, kkkk), comi imaginando um pedação de pizza. Se tivesse outros pratos, eu comia também 

    ResponderExcluir
  7. Continuação.

    Já era umas 11 e pouco e comecei a sentir agonia, umas dores nas costas, um desconforto enorme, umas fisgadas, nisso ficou até 1 hora da manhã, mais não tinha mais passado ninguém para me ver, desde o último comprimido as 8 e pouco. Até que apareceu, um enfermeiro, meio constrangido para fazer o toque, pois meu marido estava ali comigo, ele fez o toque e constatou, 3cm de dilatação, chamou outra enfermeira, fez outro toque, tá entre 3 e 4cm.. Pronto, as dores indolores mudaram para contrações... Seria psicológico? Eu digo e afirmo, SIM!
    Dai comecei a andar pelo corredorzinho, ali iam e vinham mamãe, com bebês na barriga e saiam com bebês nos braços... Lembrei que minhas dores em casa aliviava no chuveiro, então fui pro chuveiro, lá eu me transformava, passava minhas dores, eu reinava, me sentia uma mulher, conversava com minha filha, lembrava da minha infância, de que a algumas horas, tudo iria mudar, eu deixaria de ser menina e me transformar em mulher.. Pensava no meu marido, que estava dormindo lá na cadeira, na minha mãe em casa dormindo (ou não) pensando no seu bebê ganhando outro bebê, na Molly, em casa, sentindo minha falta... Ia e vinha no banheiro, vergonha de alguém precisar usar e eu lá no meu mundinho... Nisso passei umas 4 horas, da última vez, devo ter ficado duas horas direto, nisso eu tinha chamado meu marido, pois me sentia tonta, sentia que já estava chegando a hora, tinha medo de cair no banheiro sozinha.. Meu marido sentou lá no canto do banheiro, pois eu queria privacidade, mais queria ele ali comigo, ele queria entrar no chuveiro pra me segurar, mais eu disse: Esse momento é meu, preciso de ti para me apoiar, conta piada, conversa comigo, me distrai... Lá estava ele sentado no chão do banheiro conversando comigo, lembrando de tudo o que passamos juntos, as horas foram passando.. Dai fui para minha maca, a pior escolha, comecei a me contorcer de dor, berrava feita louca, chorava, pedia ajuda a Deus, queria desistir, mais meu marido, o homem da minha vida, todo desesperado falava: tu vai conseguir, tu és mais forte que tu imaginas, se tu não conseguir eu te bato, queres apanhar? Na frente de todo mundo? Não né? Nisso vem alguém fazer um toque, eu estava com 7, 8cm..
    Eu estava exausta, não tinha dormido NADA duas noites! Eu abraçava meu marido e dizia, não quero mais, eu desisto, passa a faca... Ele nem respondia mais, só ficava ali me apoiando, tadinho, eu o esmagava, mordia, beliscava... Nessa hora eu vi o homem que tenho do meu lado, o Grande homem na verdade, apesar de não demonstrar muito, eu posso sim contar com ele...
    Depois disso, só contrações, muitas, uma atrás da outra, eu fechava os olhos entre elas e pensava, pronto, passou vou dormir, pff tadinha. Vinha mais, eu estava exausta, queria dormir, mais não podia, sem eu querer, meu corpo fazia força, o eu poderia fazer era rezar, pedir ajuda, pedir a benção de Deus... Nisso, já deveria ser umas 07:45, segundo meu marido eu já revirava os olhos pra desmaiar, lembro de puxar ele, abraçar e dizer: TE AMO, DESCULPA POR TUDO, TE AMO MAIS QUE TUDO NA MINHA VIDA E SEMPRE TE AMAREI! Depois me lembro dele chegar com a médica e ela dizer: Calma pai é normal, ela levanta o meu lençol, e pergunta pra ele: Pai, quer ver a cabecinha do bebê? Nisso eu despertei, vi que eu precisava entrar na ativa novamente, que faltava pouco, trocaram meus lençóis e a médica diz: continua fazendo força mãe, tá quase... Ela berra: MESA PRECISO DE MEESA!

    ResponderExcluir
  8. Continuação..

    Fez o último toque, minha vontade era de chutar a mão dela, e ela diz: Parabéns, 10cm de dilatação, vamos pra sala de parto?? Digo: Vou, mais como? O.o Pelo meu marido eu ia carregada, mais fui caminhando (e o medo da malu nascer? Kkkk) Era um passo uma parada por conta da contração, enfim, cheguei na sala, e agora? Com contrações seguidas como subir na “mesa”? Só com ajuda. Subi, e agora? O que faço? O jeito é fazer força. Pego na mão do marido, digo um “te amo” gemendo.. Chega a tal enfermeira, me dando todo o apoio, me falando palavras bonitas me dizendo: calma mãezinha, ela já vai nascer, força, vai. Dai eu falei pra ela: Não, eu não consigo, não tenho mais forças! Ela: Tu consegue sim, tu quis isso, ela precisa de ti, da tua força. A hora que a contração vir, tu faz força até perder a respiração, ficar sem ar mesmo... Dai fiz força, e ela: não para, aperta minha mão, não te preocupa que não me vai machucar... Fiz forças 2 vezes e parava no meio, na 3ª fiz força, apertei a mão dela, e fiquei ali até perder todo o ar que eu tinha, a hora que "saiu" ela soltou minha mão, deu os parabéns, e saiu por de trás da médica e saiu pela porta, como uma enfermeira normal.. Só mês passado fui saber que não tinha enfermeira nenhuma. Mais isso já é outra historia. Olho pro marido e ele tá verde, assim que ela nasceu, batemos fotos e ele saiu correndo tadinho passou mal, entrou minha mãe, pálida, passando mal também, jesuuuus, que acompanhantes heim? Kkkk

    Enfim, esse foi meu relato, Maria Luíza Bernardo Damazio, nasceu as 07h56min da manhã do dia 27 de Fevereiro de 2012 pesando 3,470kg e medindo 46cm de Parto Normal com episiotomia na Maternidade Carmela Dutra em Florianópolis, SC.

    ResponderExcluir